Mar Morto (Dead Sea): Suas águas escondem Sodoma e Gomorra?

O Mar Morto (Dead Sea) é o Spa natural do mundo rodeado de histórias milenares.

O Mar Morto é fantástico. A paisagem sem igual, pelo menos diferente do que nós ocidentais já tenhamos visto, é certamente um dos pontos marcante de uma peregrinação a Terra Santa.

"Esculturas" naturais de sal - Mar Morto (Dead Sea) / Israel

“Esculturas” naturais de sal – Mar Morto (Dead Sea) / Israel

Antes de analisarmos com uma visão de peregrino, vamos a informações importantes:

Mar Morto (Dead Sea/Israel), vista de satélite.

Mar Morto (Dead Sea/Israel), vista de satélite.

  • O lugar mais baixo do mundo: Atualmente, a contínua perda das suas águas (Pela captação de seus afluentes e sua evaporação natural) causa uma contínua redução em sua área e profundidade, relativamente ao nível médio das águas do Mar Mediterrâneo. No ano de 2004, este nível estava próximo de 417 m abaixo do nível médio do Mar Mediterrâneo, o que faz com que seja a maior depressão do mundo, e a tendência é o aumento deste desnível durante o século XXI.
  • Tamanho: Com uma superfície de aproximadamente 1050 km², correspondente a um comprimento máximo de 80 quilômetros e a uma largura máxima de 18 km.
  • Grande Concentração de sal: O Mar Morto tem esse nome devido à grande quantidade de sal por ele apresentada, dez vezes superior à dos demais oceanos, donde decorre a escassez de vida em suas águas, havendo apenas alguns tipos de arqueobactérias e algas. Qualquer peixe que seja transportado pelo Rio Jordão morre imediatamente, assim que desagua neste lago de água salgada. A sua água é composta por vários tipos de sais, alguns dos quais só podem ser encontrados nesta região do mundo. Em termos de concentração, e em comparação com a concentração média dos restantes oceanos em que o teor de sal, por 100 ml de água, não passa de 3 g, no Mar Morto essa taxa é de 30 a 35 g de sal por 100 ml de água, ou seja, dez vezes superior.
  • Nome: Em hebraico, o Mar Morto é Yām ha-Melaḥ, significando “mar de sal” (Gênesis 14:3). Em prosa, por vezes, o termo Yām ha-Māvet (ים המוות, “mar da morte”) é usado, devido à escassez de vida aquática lá. Em árabe o Mar Morto é chamado al-Bahr al-Mayyit (“o Mar Morto”), ou, menos freqüentemente baḥrᵘ lūṭᵃ (بحر لوط, “o Mar de Ló”). Outro nome histórico em árabe era o “Mar de Zoʼar”, nome de uma cidade próxima nos tempos bíblicos. Os gregos o chamavam de Lago Asphaltites (ἡ Θάλαττα ἀσφαλτῖτης), hē Thálatta asphaltĩtēs, “o mar de asfaltite “). A Bíblia também se refere a ele como Yām ha-Mizraḥî (ים המזרחי, “o mar Oriental”) e Yām ha-‘Ărāvâ (ים הערבה, “O Mar de Arava”).
Diminuição da área do Mar Morto (Dead Sea/Israel), vista por satélite.

Diminuição da área do Mar Morto (Dead Sea/Israel), vista por satélite.

Mar Morto na história Bíblica

Na Bíblia Hebraica – Logo ao norte do Mar Morto está Jericó. Em algum lugar, talvez na costa do sudeste, estariam as cidades mencionadas no Livro do Gênesis, que disse terem sido destruídas na época de Abraão: Sodoma e Gomorra (Gênesis 18) e os outras três “Cidades da planície” – Admá , Zeboim e Zoar (Deuteronômio 29:23). Zoar escapou da destruição, quando Ló, sobrinho de Abraão escapou para Zoar a partir de Sodoma (Gênesis 19:21-22). Antes da destruição, o Mar Morto era um vale cheio de poços de betume naturais, que era chamado de o vale de Sidim. Se diz que o rei Davi se escondeu de Saul em Ein Gedi nas proximidades.
Em Ezequiel 47:8-9 há uma profecia específica que diz que o mar vai “.. ser curado e feito fresco”, tornando-se um lago normal, capaz de suportar a vida marinha. Uma profecia semelhante é indicada em Zacarias 14:8, que diz que “águas vivas sairão de Jerusalém, metade delas para o mar oriental (provavelmente o Mar Morto) e metade para o mar ocidental (do Mediterrâneo) …”
O historiador judeu Josefo identifica o Mar Morto, na proximidade geográfica da antiga cidade bíblica de Sodoma. No entanto, ele refere-se ao lago pelo seu nome grego, asfaltites.

Período do segundo Templo – Moradias nas cavernas perto do Mar Morto é registrado na Bíblia Hebraica como tendo tido lugar antes de os israelitas chegarem a Canaã, e extensivamente no tempo do Rei David. Várias seitas de judeus estabeleceram-se em cavernas com vista para o Mar Morto. A mais conhecida delas é a dos essênios de Qumran, que deixaram uma extensa biblioteca conhecida como os Manuscritos do Mar Morto.A cidade de Ein Gedi, mencionada muitas vezes na Mishná, produzia caqui para a fragrância do templo e para exportação, usando uma receita secreta. O “sal sodomita” era um mineral essencial para o incenso sagrado do templo, mas se dizia ser perigoso para uso doméstico e podia causar cegueira.

Manuscritos do Mar Morto, hoje em exposição em Jerusalém - Israel

Manuscritos do Mar Morto, hoje em exposição em Jerusalém – Israel

Um dos pontos marcantes da peregrinação a Terra Santa

Os hotéis são excelentes! Como existem alguns sítio arqueológicos nesta mesma região, como Massada, no momento em que você chega aos hotéis do Mar Morto (Dead Sea) fica muito satisfeito com o conforto das instalações. Isso não é descrito no roteiro, mas com certeza é mais do que fundamental. Isto porque, as visitas feitas nas redondezas duram em torno de 3h e a maioria é feita a pé (Lógico que para chegar até o local usa-se o ônibus..rs) e isso é cansativo, sem falar que você esta em um clima desértico o que traz consequências óbvias na sua disposição.

Rede de de hotéis no Mar Morto (Dead Sea/Israel)

Rede de de hotéis no Mar Morto (Dead Sea/Israel)

Rede de de hotéis no Mar Morto (Dead Sea/Israel)

Rede de de hotéis no Mar Morto (Dead Sea/Israel)

Rede de de hotéis no Mar Morto (Dead Sea/Israel)

Rede de de hotéis no Mar Morto (Dead Sea/Israel)

Eu (Ernesto Maia) no Mar Morto (Dead Sea/Israel)

Eu (Ernesto Maia) no Mar Morto (Dead Sea/Israel)

Como você pôde perceber, a visita ao local é essencial para quem vai a Israel. Mas e você que já foi? Acha que faltou alguma informação? Comente. E você que ainda não foi? Alguma dúvida sobre este maravilhoso local?

Inscreva-se na próxima caravana do portal A Terra Santa

Estamos organizando uma super caravana para Israel (Temos comentado isso em algumas postagens anteriores), por isso sinta-se mais que convidado a visitar a Terra Santa conosco! Para saber mais, clique aqui!

Comente a postagem acima!